×

Não tem cadastro?

É Fácil e Prático

Dados de Acesso

Tem cadastro? Entre!

O nome é obrigatório!
Sobrenome obrigatorio!
Nome não é válido!
Sobrenome não é válido!
E-mail inválido!
E-mail é obrigatório!
Este e-mail já possui cadastro conosco! faça seu login!
Senha é obrigatória
Coloque uma senha válida
6 ou mais caracteres!
16 ou menos caracteres!
As senhas não são iguais!
Aceite as condições!
Email ou senha estão errados!

Blog

Direção Descendente

1-10 de 11

Página:
  1. 1
  2. 2
  • 26.03.2019

    Tags:

    Postou By www.vipfolheados.com.br

    Carnaval

    É a festa mais conhecida popularmente no Brasil, que ao longo do tempo tornou-se um  elemento cultural .

    Apalavra CARNAVAL a sua origem é do latim 'carnis levale' e está relacionada ao jejum que se fazia durante a quaresma e também o controle de prazeres mundanos. 

    Iniciou no Brasil durante o período colonial e, em sua primeira manifestação cultural foi o entrudo, uma festa de origem portuguesa que eram praticados pelos escravos, logo depois surgiram os cordões e ranchos, as festas de salão, os corsos e as escolas de samba.

     

     O Carnaval chegoooou 

     

     

    Quem é mulher sabe que qualquer ocasião é única para poder mostrar seu estilo arrojado, e dentre as festividades do ano o CARNAVAL está em destaque, não é mesmo ?! 

    Para que você arrase nessa data tão festiva é preciso que você arrase na maquiagem, na roupa ou fantasia rs , e use e abuse das suas JÓIAS. 

     

    Aqui na VIP FOLHEADOS você está mais que equipada para cair nessa folia .

     

    Para sua Life temos esses lindos berloques: 

     

     click para compras |

     

     Temos também para vocês esses brincos de arrasar :

     

     

     

     

     

     

    Pulserismo em alta

     

     

     

     

     

    Agora é com vocês meninas, basta acessar nossa loja on-line e arrasar nas compras, use e abuse neste carnaval, borá foliar?! 

     

     

     

     

  • 26.03.2019

    Tags:

    Postou By www.vipfolheados.com.br

     Bem-Vindos

    Hoje nosso Post é sobre o Must Have, nessa temporada do ano ele voltou com a bola toda, os colares de riviera longo!!!

    Queridinhos das celebridades, o colar riviera é um item indispensável de qualquer mulher. Ele é tendência no mundo todo e  é o acessório que está nos red carpets, não é para menos, ele é lindo e promete ainda mais este ano ! 

     

     

     

     

     

     

     

    Pra quem não conhece, o colar riviera é um colar único, normalmente eles são cravejados com pedras, que ressaltam  ainda mais o seu look, bem versátil, você consegue montar várias composições, das mais clássicas as mais despojadas.

     

    Como podem ser usados ?

     

    Ele é democrático e fácil de usar, podendo ser utilizado sozinho ou com outros colares para compor seu mix. 

    O colar riviera é discreto e tem brilho; querem mais o que ? rs, muito fácil de montar seu look, interessante usar outras pedras também, entrando em um bom senso para não carregar sua imagem .

    Uma dica para você estar sempre  na moda é mesclar a tendência do pulserismo com a riviera, você vai arrasar ! pode apostar. 

     blogueira Thassia Naves. 

     

    O mais interessante é que o colar riviera longo pode ser usado em todo lugar, então borá abusar dessa tendência.

    Aqui na Vip Folheados você encontra os Colares  Rivieiras em diversas cores e tamanhos, feito especialente para você!!!

     

                     

                                       

     

                                                    

     

     

  • 26.03.2019

    Tags:

    Postou By www.vipfolheados.com.br

    Horóscopo

    O famoso horóscopo é um mapa que depende das posições em que o planeta do zodíaco está,que é a partir dele é feito um estudo da personalidade de uma pessoa e seus acontecimentos. A origem grega é ''ver a hora'' ou ''espelho da hora'' .

     

     

    Origem

    Antigamente as civilizações olhavam o céu e buscavam idéias relacionadas entre os ventos celestiais e terrestres, a partir de observar os movimentos de astros e estrelas, eles descobriram as estações do ano, calendário o tamanho das Terra e etc.

    Quem acreditou que esses astros anunciavam até o início e o fim de uma guerra, ou também nascimento ou morte de reis, eram os Mesopotâmicos, tudo isso era previsto na época, baseados em experimentação e no registro da posição que os astros ocupavam no céu enquantos esses eventos ocorriam, veio então a origem do horóscopo que significa: Mapa da hora, inicialmente eram feitos somente para reis e depois os gregos começaram a utilizar.

    Já no século XVIII, os jornais britânicos popularizavam esses conhecimentos, fazendo o horóscopo de jornal , como nós conhecemos hoje em dia. 

    Existem horóscopo Ocidental, Asteca, Egípcio e Chinês.

    Curiosidades

    O horóscopo que é geralmente lido em sites, revistas e jornais é chamado de horóscopo Solar. Ele considera somente o signo em que o sol está no seu mapa de nascimento e não as posições dos astros e das casas astrológicas.

     

    Capricórnio 

     

    Bem-vindo 2018! E com ele inicia-se o signo de Capricórnio, entre os dias 22 de Dezembro até 19 de Janeiro; ele é o décimo signo do zodíaco, está entre Sagitário e Aquário, associado a constelação de Capricornus, simbolizado com uma cabra se formando com Touro e Virgem a triplicidade dos signos da Terra. 

     

    Acessórios que você encontra na Vip: Capricórnio

     

     

  • 26.03.2019

    Tags:

    Postou By https://vipfolheados.com.br/

    Dia Mundial da Religião

     

    História:

    O dia 21 de Janeiro é o dia mundial da religião, essa data foi proposta em 1949, por uma Assembléia Espiritual Nacionalda Comunidade Bahá'i, ou Fé Bahá' i, uma religião fundada no século XIX por Bahá ' u Ilhá , um líder religioso persa nascido em 1817 e morto em 1892. Ocorre que ese tipo de universialização das particuridades religiosas, em grande parte, fere os pressupostos savacionistas de cada religião em particular. Além disso, o ecumenismo pretendido pelo bahá ' i aproxima-se também segundo alguns autores, de projetos globalistas, como o da ONU, que, a respeito de seus méritos em muitas instancias, podem acabar subvertendo as tradições particulares. Um exemplo de crítica a esses projetos de '' Religião Mundial '' pode ser contatado na obra do americano Lee Penn. 

    Entretanto, o dia Mundial da Religião, a despeito das discussões sobre esse tema, pode ser uma grande oportunidade para se meditar e se discutir a respeito da situação das tradiçoes religiosas no mundo globalizado. Em tradução livre '' falso alvorecer: a iniciativa das religiões unidas , o globalismo e a busca por uma unica religião muindial.

      

    Religiões mais populares no Mundo:

     

    1°Cristianismo ( aproximadamente 2,2 Bilhões de adeptos) 

    2° Islamismo ( aproximadamente 1,6 Bilhões de adeptos) 

    3° Hinduísmo ( aproximadamente 900 milhões de adeptos )

    4° Religião Tradicional Chinesa ( aproximadamente 400 milhões de adeptos )

    5° Budismo ( aproximadamente 360 milhões de adeptos ) 

    6° Sikhismo ( aproximadamente 20 milhões de adeptos )

    7° Judaísmo ( aproximadamente 15 milhões de adeptos ) 

    8° Espiritismo ( aproximadamente 13 milhões de adeptos)

     

     

    Peças maravilhosas em artigos religiosos, você encontra aqui na Vip Folheados:

     

    Pulseiras :

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

    Escapulários:

     

    Pra você arrasar em seu Look: Nossas composições
     

     

     Madre Pérola :

     

     

     

                       Berloques para sua Life 

     

     

     

  • História de Nossa Senhora de Fátima

    Oito dias após a convocação do Papa, em resposta as orações, Nossa Senhora de Fátima fez sua primeira aparição em 13 de maio de 1917 na pequena aldeia de Fátima em Portugal. Em um local chamado “Cova de Iria”, ela apareceu para três pequenos pastorinhos: Lúcia, Francisco e Jacinta.

    Por volta de meio-dia eles brincavam pelo campo enquanto cuidavam de um pequeno rebanho quando pararam para rezar o terço, como já era de costume. Queriam voltar logo para a brincadeira e por isso rezaram à moda deles e rapidamente voltaram para o campo e foi quando viram um clarão bem similar ao de relâmpagos.

    Acharam que ia chover e por isso se recolheram para ir embora e foi quando viram um segundo clarão em cima da copa de uma árvore (chamada azinheira) e em seguida viram Nossa Senhora de Fátima. Assustados, quiseram correr, mas Nossa Senhora logo os tranquilizou e pedindo que não tivessem medo, pois ela vinha do Céu.

    Segundo relato dos próprios pastorinhos, a visão era de uma “Senhora mais brilhante que o Sol”, e em suas mãos pendia um Rosário. Serena e tranquila disse às crianças:

     

    “Vim para pedir que venhais aqui seis meses seguidos, sempre no dia 13, a esta mesma hora. Depois vos direi quem sou e o que quero. Em seguida, voltarei aqui ainda uma sétima vez.”

    E as aparições aconteceram sete meses seguintes conforme o prometido.

     

  • 26.03.2019

    Tags:

    Postou By www.vipfolheados.com.br

    A festa mais popular do Brasil já teve sua história contadaaqui, no F’n'B, mas
    e o surgimento das fantasias? Você conhece?

    Os adereços usados para comemorar a festa surgiram em 1870. Foi a maneira encontrada pelos foliões para dar um ar mais divertido e colorido
    ao Carnaval. Assim foi até a década de 1930, quando as fantasias eram simples, com roupas adaptadas e decoradas de uma forma bem ingênua, conforme
    sugeria a época. Os materiais para enriquecer o figurino eram muitos caros, aparecendo somente na alta sociedade e em desfiles de escolas de samba.

    Foi nesse período que surgiram os blocos de rua, onde um grupo de amigos se vestia da mesma forma para celebrar o feriado mais esperado do ano. A
    vestimenta também servia como identificação e forma de mostrar que você fazia parte de um grupo de foliões.

  • 26.03.2019

    Tags:

    Postou By www.vipfolheados.com.br
     

    Todo mundo sabe que as pérolas sempre foram símbolo de elegância e sofisticação, certo? No passado, as pérolas eram reservadas a ocasiões mais conservadoras, e até certo tempo, para muitos, ela tornou-se uma peça considerada muito retrógrada para fazer parte da contemporaneidade, mais precisamente, jovem.




    A pérola já começa levando vantagens por ser uma jóia que não precisa de lapidação nem polimento. Praticamente, ela já nasce perfeita. Desde muito tempo, antes de Cristo, elas eram super valorizadas no Oriente Médio, conhecida como o símbolo da pureza e do charme feminino. Em algumas outras regiões do mundo, elas tinham sua tradição também, e na época da realeza, era uma das jóias mais requisitadas.


    Para entender melhor, a pérola é um material orgânico, de forma esférica, produzida por ostras (moluscos) quando substâncias estranhas entram para dentro do organismo do molusco, e assim formam a pérola. Essas substâncias estranhas podem ser até mesmo um grãozinho de areia.
    A jóia é classificada como gema, e pode ter formas irregulares, se encontradas em moluscos de água doce. Pode também apresentar tonalidades distintas, como pretas, douradas e brancas.

    Com a opção de possuir tonalidades diferentes, é conhecida a Pérola Negra. Rara, porém nem tanto hoje em dia, devido ao cultivo de ostras Pinctada Margaritifera, a responsável pela produção da jóia de mencionada cor. A pérola negra, é comumente chamada de Pedra do Haiti?, pela maior localização da mesma. Podem não ser bem negras, apresentando tonalidade como o cinza e cores arco-íris. Há também verde, marrom, rosa entre outros...

    **Curiosidade: De cada 100 pérolas produzidas na natureza, uma é negra.
    O que interfere diretamente na diferença da coloração, é a forma que os cristais de nácar (responsáveis pela produção da jóia, dentro da ostra) se organizaram para formar a esfera.


     

    Hoje em dia, a exigência por jóias reais foi quebrada de certa forma, podendo todos terem a oportunidade de possuir uma peça de pérola falsa, ou melhor dizendo, artificial. A diferença é logicamente notável, devido ao material e a coloração. Colares de pérola falsa são visivelmente perceptíveis quando a cor das bolinha é muito branca ou então a luz solar não possui o reflexo das cores do arco-íris ? quase como a visualização de um cristal verdadeiro. Porém, isso nunca impediu ninguém de usar. E realmente não tem porquê.

    Estes mesmos colares que foram muito vintage e exibidos em personalidades que hoje são eternamente conhecidas, como Coco Chanel e Jackie Kennedy, ganham modernidade em looks completamente despojados, e ficam super estilosos. A peça que sempre foi adequada  para o turno da noite, e festas mais elegantes, aparece de dia, com perfectos, t-shirts e vestidinhos básicos.As produções acabam ganhando um ar de sofisticação seja qual for o estilo.


    Combinadas também com a febre do mix de colares, ficam super rockers. Colar de uma volta, mais comprido, geralmente é considerado mais esporte e fica super bem usado no dia dia.

    conheça alguns modelos da VIP FOLHEADOS:

     

  • 26.03.2019

    Tags:

    Posted in Moda Curiosidades By www.vipfolheados.com.br

    O ser humano sempre sentiu necessidade de se adornar, de se enjoiar. Desde a antiguidade,  antes mesmo de poder criar peças metálicas e com ligas de ouro mais luxuosas, homens e mulheres já utilizavam acessórios para demonstrar poder, status e, principalmente, se embelezar. Madeira, conchas e ossos de animais sempre fizeram parte do “look”, na pré-história.

    Egípcios e gregos foram os primeiros a arrasar, com belíssimos brincos, colares e pulseiras com MUITO ouro. Tudo para ficarem mais parecidos com seus deuses, que também eram vistos cobertos de joias. A joalheria começou a trabalhar muitos metais com os celtas e romanos, que já possuíam estilo e, claro, glamour de sobra.

    Após a idade média, que tinha um estilo mais robusto de joias, com pesados colares, brincos e as tão cultuadas coroas, o renascimento trouxe ao mundo toda a delicadeza da arte de criar peças. Então, as joias passaram a seguir as tendências da arte e se tornaram parte dela, claro.

    Com toda a riqueza de Hollywood, o pós-segunda-guerra foi o auge das joias: todo o estilo e beleza das telas do cinema vinham para as mulheres de todo o mundo, com peças icônicas como colares e anéis maravilhosos, com pedras preciosas e os tais dos brilhosos diamantes.

    Hoje, as joias espalharam-se pelo mundo inteiro e conseguem se adaptar a todos os estilos, para homens e mulheres bem diferentes. E, se cada um gosta de determinadas peças, todos concordam com uma verdade verdadeiríssima: joias são O luxo!

  • 27.07.2012

    Tags:

    Postou By www.vipfolheados.com.br

    Seja qual for o motivo, Se deseja saber se o diamante que possui é real, tenha em mente que a proliferação de imitações e falsificações vendidas como diamantes reais é preocupante. A melhor opção é levar o diamante para ser avaliado por um joalheiro de confiança, que pode testar o diamante sem danificá-lo, mas isto vai lhe custar dinheiro e pode não ser uma opção ao comprar em lojas. Aprenda agora como fazer isto por conta própria e aumente as suas chances de detectar uma fraude.

     

    Peça um certificado. Veja se ele é de uma autoridade neutra para classificação de diamantes (ex: Emological Institute of America, Jewellers Association of Australia) ou de um avaliador independente que seja afiliado a uma sociedade profissional (como a American Society of Appraisers). Isto é especialmente importante se estiver comprando um diamante sem vê-lo, como pela internet.

    Olhe através dele. Diamantes lapidados de maneira correta têm um alto Índice de Refração (eles desviam fortemente a luz que passa por eles). Vidro e quartzo têm um índice de refração menor – ou seja, brilham menos, pois eles desviam menos a luz, mesmo quando são lapidados corretamente.

     

    Se o diamante não estiver montado na jóia, vire-o com a ponta para cima e coloque-o sobre um jornal. Se conseguir ler as letras pela pedra, ou mesmo ver manchas negras distorcidas, provavelmente não é um diamante.

    Se a pedra tiver qualquer sinal de refração dividida, pode ser Moissanite (carboneto de silício), um cristal que é tão similar ao diamante que até joalheiros experientes têm dificuldade de distinguir.

     

    Se o diamante estiver montado, você não deve conseguir ver o fundo olhando diretamente de cima.

    Observe as reflexões. Diamantes reais têm reflexos que se manifestam em vários tons de cinza. Se as reflexões tiverem o padrão de cores de um arco-íris, provavelmente é um diamante falso ou de baixa qualidade.

    Olhe de lado. A maioria das imitações de diamantes são feitas para brilhar ao olhar de cima, mas veja se ele brilha e reflete luz de lado. Diamantes reais refletem em todas as direções; os falsos tendem a ser menos luminosos ao serem vistos de lado.

    Embace-o. Ponha a pedra perto da boca e exale nela. Se ela permanecer embaçada por 2-4 segundos, com certeza não é real. Diamantes verdadeiros secam antes que você consiga olhar para eles. Tome cuidado – alguns joalheiros encapam diamantes reais com zircônio cúbico, fazendo-os ficar claros.

    Pese as pedras. O zircônio cúbico pesa aproximadamente 55% a mais que diamantes da mesma forma e tamanho. Use uma balança de quilates ou gramas para comparar a pedra em questão com um diamante verdadeiro.

    Verifique o encaixe e a montagem. Diamantes verdadeiros nunca serão montados em metais baratos.

    As marcas dentro do encaixe irão indicar se o metal é ouro ou platina real (10K, 14K, 18K, 585, 750, 900, 950, PT, Plat), o que é um bom sinal; já um “C.Z.” mostrará que a pedra central não é um diamante verdadeiro.

    Ponha a pedra sob luz ultravioleta. Muitos (mas não todos) diamantes brilham em uma cor azul sob luz ultravioleta ou negra; a presença de um azul de tom entre médio e forte confirma que ele é verdadeiro. A ausência do azul não significa que ele é falso; pode simplesmente ser um diamante de melhor qualidade.

    Se você enxergar um tom bem leve de verde, amarelo ou cinza fluorescente sob a luz ultravioleta, pode ser Moissanite.

    Esfregue o diamante em uma lixa de corundum (ou coríndon). Se ele arranhar ou quebrar, não é um diamante real (os diamantes são mais duros que a safira ou o rubi, que são feitos do mesmo material que o coríndon). Mas tome cuidado, pois algumas lixas contém diamantes e podem estragar um diamante real.

     

    Atenção:

     

    • Alguns diamantes são criados em laboratório ou são sintéticos, mas ainda assim são verdadeiros. Eles custam uma fração do diamante minerado, mas têm a mesma (em sua maior parte) composição química que os diamantes naturais. A diferença entre um diamante minerado e um sintético vai além do tema deste artigo, devendo ser feita por um profissional.
    • Não há como ter 100% de certeza de que um diamante é verdadeiro, a não ser com um cerfificado. Se comprar um objeto penhorado ou algo em um mercado, estará sempre correndo riscos.

     

    Fonte: http://pt.wikihow.com

  • 27.07.2012

    Tags:

    Postou By Administrador Admin

    Um novo mercado no setor de mineração em Mato Grosso tem despertado interesse no setor de lapidação e joalheria: o de pedras coradas. É interessante ressaltar que são classificadas como pedras coradas todas as preciosas ou semipreciosas, com exceção do diamante.

    O setor vem se preparando não só para a exportação como para o próprio mercado interno. A tendência do mercado internacional tem se voltado tanto para as pedras em estado bruto como as lapidadas e trabalhadas em joias ou bijuterias finas, com valor agregado.

    Embora possa ser considerada uma nova atividade econômica, alternativa para geração de emprego e renda, as pedras coradas vinham sendo tratadas como rejeito de garimpo e pouco aproveitadas.

    Mato Grosso tem um enorme potencial geológico para exploração de pedras preciosas e coradas. Por isso, o governador Silval Barbosa, por meio da Companhia Mato-grossense de Mineração (Metamat), em parceria com as Secretarias de Indústria e Comércio, Minas e Energia, a de Trabalho e Assistência Social e a de Ciência e Tecnologia, tem investido em ações que ajudem as cooperativas mineradoras e os pequenos empreendedores que querem se dedicar ao ramo da lapidação de pedras. É uma ação social que além de geração de renda, apoiará na agregação de valores às pedras que podem ser comercializadas já com o processo de lapidação.

    Desde 2010, foram oferecidos três cursos gratuitos, no Núcleo de Lapidação da Metamat, qualificando um total de 73 lapidários, os quais obtiveram conhecimentos práticos de todas as etapas da lapidação: desde a fase de serrar a pedra, dar o formato, calibrar, encanetar, facetar, polir até a classificação de minerais e fragmentos de rochas, para atender o setor de bijuterias. Vale lembrar que, em 2004, a Metamat já havia realizado o curso de artesanato mineral, capacitando 28 pessoas, além de elaborar o primeiro Catálogo de Pedras Coradas em Mato Grosso.

    A preparação da mão-de-obra qualificada para o setor produtivo mato-grossense de pedras coradas não parou nos artesãos e lapidários. Em janeiro deste ano (2012), foi realizado o primeiro curso de Gemologia, direcionado a geólogo, engenheiro geólogo e de minas, ou a quem possuísse a carteira do Crea-MT, para credenciamento dos primeiros profissionais especializados em análise, identificação e classificação dos tipos de gema e de materiais gemológicos.

    A capacitação de gemólogos mato-grossenses foi de extrema importância para fortalecimento do setor, facilitando a dinâmica da comercialização. O mercado comprador exige laudos técnicos das pedras para sua valoração e origem. Para isso, era preciso enviar as pedras para os laboratórios das associações de gemólogos nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais ou Bahia. O processo demorava cerca de 30 dias para a emissão do laudo, o que resultava, muitas vezes, na desistência do comprador e na perda da venda. Após o curso e credenciamento, Mato Grosso dispõe de 27 gemólogos que podem emitir os laudos técnicos para a comercialização e exportação das pedras coradas.

    Fonte: Diário de Cuiabá

Direção Descendente

1-10 de 11

Página:
  1. 1
  2. 2
Close